Blog

TBC: Como corrigir equipes que não resolvem problemas

TBC: Como corrigir equipes que não resolvem problemas

17/04/2019

Sua empresa tem enfrentado dificuldades por conta de uma equipe que vive jogando os problemas de um lado para o outro?

Além de travar processos e proporcionar atrasos e perda de tempo para o negócio, esse cenário tem como consequência o que nenhum gestor deseja: a insatisfação dos clientes. Afinal, o que o cliente busca quando tem um problema é o apoio da empresa para fornecer as respostas; se a equipe apenas repassa problemas internamente para deixar na mão de outra pessoa e não resolvê-los, ninguém transmite uma resposta efetiva e a consequência é um cliente que não vê o resultado do trabalho da sua empresa.

Se a descrição acima é enfrentada com frequência no seu negócio, há uma técnica poderosa para melhorar o desempenho do seu time e resolver o “empurra-empurra” de uma vez por todas.

Ela se resume com a sigla TBC.

Se, agora, você se questionou sobre esse termo desconhecido da administração de negócios, esqueça. É bem mais simples que isso. Trata-se, simplesmente, de Tirar a Bunda da Cadeira!

Brincadeiras e informalidades à parte, essa mudança de atitude é suficiente para reverter problemas relacionados a falhas na equipe em assumir responsabilidades e tomar a frente de tarefas. Na prática, o TBC significa receber um problema com a seguinte postura: “O que posso fazer para resolvê-lo agora mesmo?”. Se o colaborador percebe que não é capaz de resolver sozinho, a pergunta pode e deve ser trocada para: “Quem posso procurar para obter a ajuda que preciso para solucioná-lo?”.

O problema pode estar na gestão

As perguntas citadas podem parecer uma dica bastante primária, mas no cotidiano das empresas, são realmente poucos colaboradores que adotam uma postura proativa na resolução de problemas. E, muitas vezes, o problema vem de cima para baixo – ou seja, o próprio processo que a equipe é treinada a seguir apresenta falhas que dão brechas para que os funcionários se acomodem e repassem problemas para frente, ao invés de os assumirem ou estudarem como podem ser destrinchados para encontrar as soluções.

Por exemplo: quando a empresa possui um sistema em que as demandas devem ser registradas e delegadas para uma pessoa, é muito comum que o sistema passe a funcionar simplesmente para depositar os problemas e os colaboradores o utilizem para atribuí-los para outras pessoas, de forma a prolongar a resolução e até mesmo criar conflitos internos, gerados por insatisfações entre a equipe (um joga o problema para o outro e ninguém faz nada, efetivamente).

Nesse caso, a gestão deve passar por uma revisão do processo que considere – e informe à equipe – que cada colaborador é responsável não somente por delegar, mas por acompanhar aquela demanda até que seja solucionada. O funcionário viu que algo está parado? Ele pode ir até quem pode resolver, oferecer ajuda ou solicitar apoio, sempre se movimentando ao invés de aguardar uma atitude externa. 

Já falamos aqui no blog, também, sobre uma dica essencial para manter o foco dos funcionários no trabalho, que você pode acessar aqui.

Produtividade para o seu negócio

Quando toda a equipe é orientada ao TBC, os resultados são sentidos por todos os lados. O funcionário aumenta sua proatividade individualmente, mas o efeito é sentido de maneira conjunta em um maior envolvimento do time, que passa a exercitar a empatia, aumenta a união e sinergia entre setores e, consequentemente, traz melhores resultados para a gestão.

O cliente, por sua vez, sente a agilidade na solução de suas demandas e o amparo nas respostas de suas dúvidas, que chegam de forma breve e dedicada.

Viu como é possível aumentar o desempenho do seu time e do seu negócio hoje mesmo, com uma simples mudança de atitude? Lembre-se que, na gestão de sucesso, os exemplos partem de cima, portanto, o primeiro a apresentar a proatividade desejada deverá ser você, gestor!

 

Para manter o foco do seu negócio em bons resultados, descubra também como a Contabilidade Consultiva pode ajudar sua empresa!

Posts Relacionados

O segredo da gestão de pessoas

O segredo da gestão de pessoas

data 11/02/2019

Para boa parte dos gestores, gerir pessoas é um dos maiores desafios encontrados na rotina na empresa. Mas de acordo com Jack Welch, a gestão de pessoas pode ser vista como a parte mais fácil da gestão. Entenda!

Continuar Lendo >>
Os 10% que você deve demitir

Os 10% que você deve demitir

data 17/12/2018

A capacidade de gerir pessoas é determinante para o sucesso de qualquer empresa. Identificar habilidades, incentivar o crescimento individual e motivar constantemente a equipe são algumas das atribuições de um gestor capazes de fazer a diferença em resultados efetivos para a empresa. Você já enfrentou dificuldades em manter ações nesse sentido na sua empresa ou mesmo em identificar o que pode estar travando seu desenvolvimento? Jack Welch pode te ajudar. Entenda!

Continuar Lendo >>
Como corrigir uma equipe desmotivada

Como corrigir uma equipe desmotivada

data 05/11/2018

Qual é a sua motivação?

Continuar Lendo >>

Agende uma apresentação agora mesmo!

Clique aqui